NOTÍCIAS

01
OUT

Colesterol Alto: Hipercolesterolemia, hiperlipidemia

Publicado 01/10/17

Colesterol alto é o nível excessivo de colesterol no sangue. Hiperlipidemia é um termo mais genérico para altos níveis de diferentes tipos de gordura no sangue. Isso pode ser resultado de uma dieta rica em gordura total, gordura saturada e colesterol. 

O que acontece com o organismo? 

O nosso organismo produz todo o colesterol necessário, mais de 1000 miligramas por dia. Quando colesterol ou outro tipo de gordura em excesso é ingerido, o organismo não consegue metabolizar todo o excesso. 

Colesterol alto pode ficar retido no interior da parede dos vasos. Isso resulta em aterosclerose, ou endurecimento das artérias. Doença vascular é uma das mais importantes causas de morte e debilidade física

Quais são os sinais e sintomas? 

Qualquer sinal de colesterol alto geralmente fica imperceptível até que algum problema maior apareça. Obesidade e falta de exercício são dois dos principais fatores que levam ao colesterol alto. Algumas drogas podem também aumentar o nível de colesterol, tais como: pílulas anticoncepcionais a base de estrógenos, corticóides como prednisona, diuréticos. 

Quais são as causas e os fatores de riscos? 

Mais frequentemente a causa é uma dieta rica em gordura saturada e com alto nível de colesterol. Pessoas com doenças como cirrose hepática, diabetes mal controlada, doença cardiovascular, infecção crônica, abuso de álcool, glândula tireóide hipoativa, história familiar devem procurar um médico para checar o nível de colesterol.

Como é feita a prevenção? 

As pessoas devem se orientar com o seu médico a respeito de como diminuir o nível de colesterol. Deve evitar uma dieta rica em colesterol ou com muita gordura e fazer exercícios regularmente. 

Como a doença é diagnosticada? 

O diagnóstico é feito através de testes sanguíneos. O colesterol alto é quando o colesterol total está acima de 200 miligramas por decilitro (mg/dL) de sangue. O tipo de colesterol também é muito importante. LDL colesterol é o colesterol ruim. HDL colesterol é o colesterol bom, e está associado a menores riscos destas doenças. Ele deve ficar em torno de 40 mg/dL ou acima e representar 25% do colesterol total. 

Quais são os efeitos a longo prazo? 

Altos níveis de colesterol aumentam bastante os riscos de aterosclerose, doença cardíaca, e derrame. Gordura e colesterol em excesso podem ser depositados em outras áreas do corpo, causando tanto problemas médicos como estéticos. 

Quais são os tratamentos? 

O tratamento deve ser personalizado de acordo com a situação de cada indivíduo. Pessoas obesas devem receber informações a respeito de dieta pobre em gordura e um programa de exercício. Pessoas que não são muito ativos podem realizar um programa de exercícios. Quando o colesterol permanece elevado apesar destas medidas, pode ser necessário o uso de medicamentos. A escolha de drogas leva em consideração o nível de colesterol, a idade da pessoa, e outros fatores.  

Fonte: Sociedade Brasileira de Cirurgia Cardiovascular 

Fonte: www.sbccv.org.br/livre/duvidas/colesterol_alto.asp


- Compartilhar!
Ver todas
Doenças Hormonais e Metabolismo
Obesidade - Crescimento - Diabetes
Tireóide - Testes Hormonais
Facebook
Av Rio Branco, 4332 - 87501-130 - Umuarama/PR - (44) 3622-6393